Novidades de Maio de 2013

As novidades de Maio de 2013 são as seguintes:

Novidades de Maio de 2013 - reservarecomendada.blogspot.pt

Divulgação: Duorum Medalhado - II Festival do Vinho do Douro Superior

Nota de imprensa

Os vinhos Duorum estiveram em destaque no II Festival do Vinho do Douro Superior, promovido Câmara Municipal de Foz Côa com a produção a cargo da Revista de Vinhos, ganhando quadro medalhas que confirmam, uma vez mais, a qualidade da marca, em todas as gamas de vinhos em que está presente no mercado nacional e internacional.

Divulgação: Duorum Medalhado - II Festival do Vinho do Douro Superior - reservarecomendada.blogspot.pt

Winenique 2013

Um dos blogues mais dinâmicos no panorama vínico português é o blogue E Tudo o Vinho Levou. Foi criado originalmente pelo Gonçalo, o Nuno e o Pedro, três amigos que se juntavam para jantar e beber umas garrafas de vinho aos quais se juntaram o João, a Rita e a Celma para criar o seu núcleo duro. Para além deste núcleo duro ainda contam com a colaboração frequente de outros redatores regulares e ocasionais que escrevem para o blogue. Se as jantaradas dizem ter começado há mais tempo foi há cerca de 2 anos que estas jantaradas deram origem ao blogue.

Durante estes dois anos têm realizado algumas ações de formação e colaborado na organização de diversos eventos como Os 10 dias da Francesinha e Os 10 dias do Bacalhau realizados recentemente no Hotel Tryp Oriente em que fizeram sugestões de harmonização de vinhos com os pratos desses menus temáticos. Outra das iniciativas mais interessantes feitas pelos membros do blogue é o projeto de produção de um vinho próprio. Compraram toda a uva da casta Tinto Cão a um produtor alentejano, fizeram a vindima e a vinificação na adega de Joaquim Arnaud em Pavia. Há cerca de 2 meses fizeram a transfega do vinho para uma barrica de carvalho e agora é esperar... Durante os últimos meses tenho-me cruzado com eles por aqui, ali e acolá.

Winenique 2013 - reservarecomendada.blogspot.pt

Eventos de Junho de 2013

Os eventos agendados para Junho de 2013 são os seguintes:

Eventos de Junho de 2013 - reservarecomendada.blogspot.pt

O Mistério dos Comentários Desaparecidos

Hoje não vou falar de comes nem de bebes mas vou dar largas aos meus defeitos profissionais para vos falar de um problema que tive aqui no blogue. Há cerca de um mês atras a Google introduziu uma nova funcionalidade no Blogger que permitia fazer a gestão dos comentários Blogger através do Google+. Isto permitia ter funcionalidades adicionais, melhor aspeto e uma integração mais fina com o Google+ mantendo os comentários anteriormente feitos usando o sistema de comentários nativo do Blogger. Parecia uma maravilha...

O Mistério dos Comentários Desaparecidos - reservarecomendada.blogspot.pt

Divulgação: O Melhor Vinho Tinto do Alentejo Abaixo das 15 Libras na Decanter World Wine Awards 2013

Nota de imprensa

João Portugal Ramos recebe pela segunda vez em apenas três anos um grande prémio internacional pela "Decanter World Wine Awards" no mais prestigiado concurso mundial de vinhos realizado no Reino Unido.

Divulgação: O Melhor Vinho Tinto do Alentejo Abaixo das 15 Libras na Decanter World Wine Awards 2013 - reservarecomendada.blogspot.pt

Conjurando entre o Vinho e o Mármore - Terceiro Ato

Ler Segundo Ato

Seguimos erraticamente pelo centro da vila. De novo, seguíamos por instinto mas o caminho parecia desta vez ainda menos certo. Passámos pelo convento feito fábrica agora à espera de melhores dias, atravessamos o jardim chamado de mata até à rua dita do poente. A vontade esmorecia como o dia, decidimos voltar ao ponto de partida e fazermo-nos à estrada de regresso a casa. Sem sabermos, seguimos em direção ao largo que qual sextante indicava o destino. Contornada uma esquina, eis-nos chegados. Entrámos e perguntamos se podíamos sentar e beber qualquer coisa. Houve uma hesitação explicável por ser este um novo princípio. Mas rapidamente refeitos da surpresa logo nos disseram: Entrem e sentem-se. Já virá alguém servir-vos.

Conjurando entre o Vinho e o Mármore - Terceiro Ato - reservarecomendada.blogspot.pt

Divulgação: Restaurante Vintage do Vintage Lisboa Hotel promove Jantar Vínico com a Herdade do Esporão

Nota de imprensa

O Restaurante Vintage, no Vintage Lisboa Hotel*, organiza pela primeira vez, no dia 30 de Maio um Jantar Vínico.

A partir das 20h30, o chef Vítor Cardoso propõe uma ementa especial que junta os melhores sabores da gastronomia portuguesa e os vinhos mais reputados do Alentejo e de Portugal produzidos na Herdade do Esporão.

Novidades de Abril de 2013 - reservarecomendada.blogspot.pt

Lisboa Restaurant Week Primavera 2013

Estou baralhado... Quando há uns meses atrás foi realizada a Portugal Restaurant Week pensei que a ideia seria concentrar num único evento, a realizar duas vezes por ano, as várias Restaurant Weeks que se realizavam desfasadamente em várias cidades do país. Foi com alguma surpresa que vi o anúncio da Lisboa Restaurant Week a realizar de 16 a 26 de Maio. As Restaurant Weeks já foram mais apelativas do que são atualmente e a sua realização tão frequente nos mesmos restaurantes poderá banalizar ainda mais este evento. Mas enfim, aqui vai...

Lisboa Restaurant Week Primavera 2013 - reservarecomendada.blogspot.pt
‘Matambrito’ de porco preto com ‘chimichurri’ acompanhado de ‘papas ao plomo’ e Salada do Volver by Chakall

As Restaurant Weeks surgem como um meio de promoção de restaurantes de gama média e alta que apresentam durante o evento menus por 20€ constituídos por entrada, prato e sobremesa (bebidas não incluídas). Têm também uma componente solidaria revertendo 1€ por menu para causas sociais. Nesta edição há a novidade da existência de um suplemento de bebidas que incluí 2 bebidas por 5€. As reservas devem ser feitas diretamente com os restaurantes ou através da Best Tables referindo que deseja fazer a reserva no âmbito da Lisboa Restaurant Week. Normalmente realizam-se 2 vezes por ano (Primavera e Outono) em alturas de menor fluxo turístico na restauração.

Restaurantes aderentes à Lisboa Restaurant Week Primavera 2013:

12 Bistro & Terrace
A Casa do Bacalhau
Adlib Restaurante
Afreudite
amo.te Tejo
Assinatura
Aura Lounge Café
Aviz
Bica do Sapato
Bonsai
Brasserie Flo
Café São Luiz
CAN the CAN
Cantina da Estrela
Casa da Dizima
Casa Galega Lisboa
Casa Galega Paço de Arcos
Casa Nepalesa
Charcutaria Lisboa
Clara Chiado
Clara Jardim Restaurante
Claro
Coffee Shop Rendez Vous
Colares Velho
Come Prima Restaurante Italiano
Comer @ Cultura
DeCastro Elias
Don Pomodoro
Eleven
Estado Líquido Fusion Sushi
Estufa Real
Faz Figura
Flores Bairro Alto
Forneria Estado Líquido
Hippopotamus Restaurante Grill
In Fusion
Jockey
Kais
La Paparrucha
L´Appart
La Trattoria
Mensagem
Meson Andaluz Lisboa
No Ponto Restaurante Bistrô
Open - Brasserie Mediterrânica
O Terraço
Panorama – Hotel Sheraton
Pap'açorda
Pedro e o Lobo
Petra Rio
Populi
QM Club
Restaurante Associação Naval de Lisboa
Rossio Restaurante Bar e Terraço
Rota das Sedas
Sakana Restaurante Bar Sushi
Saldanha Mar
Sem Dúvida
Sessenta
Spianata
Storik
Sushi Café Avenida
Tacho à Mesa by Faz Gostos
Tágide Wine & Tapas Bar
Takumi Sushi Lounge
Tertúlia do Paço
Típico by Corinthia
U Chiado
Varanda de Lisboa
Vela Latina
Via Graça
Viva Lisboa
Volver by Chakall
XL

Site do Evento: www.restaurantweek.pt

Natural by Chakall - www.wook.pt

Divulgação: As grandes finais de futebol jogam-se na Taberna da Praça

Nota de imprensa

A Taberna da Praça, na Cidadela de Cascais, tem um menu especial para os dias das grandes finais de futebol. Gaspacho, Carapaus de Escabeche, Moelas em tomatada, Meia Desfeita de Bacalhau, Massada de Peixes, Ervilhas e enchidos com raspas de ovo, Travessa de Salgados, Favada com coentros frescos, Carne de Porco à Portuguesa, Sangria, Arroz Doce, Barriga de Freira e muitas outras coisas. Um Rodízio de Petiscos para provar por 28,50 euros, por pessoa.

Divulgação: As grandes finais de futebol jogam-se na Taberna da Praça - reservarecomendada.blogspot.pt

Levado ao Estremus da O'Leucura

Há umas semanas atrás a João Portugal Ramos organizou um jantar no Restaurante Feitoria do Hotel Altis Belém para a apresentação de vários vinhos novos no seu portfólio. Foi uma apresentação especial pois nela foram apresentados quatro vinhos inéditos nas gamas da João Portugal Ramos e da Duorum. Vinhos com uma forte carga emocional pois nasceram de uma procura por parte dos seus enólogos de vinhos únicos e distintos que nem sempre foi sucedida mas que culmina agora nestes vinhos mas que se espera seja também um começo de uma longa vida destas referencias.

Levado ao Estremus da O'Leucura - reservarecomendada.blogspot.pt

A noite iniciou-se em modo ainda volante com um Conde de Vimioso Espumante Extra Bruto 2009. Já tinha provado este espumante em Dezembro e na altura apresentava uma bolha um pouco maior do que gostaria. Estes meses parecem ter-lhe feito bem e a bolha apresentava-se agora mais fina e delicada, mais de acordo com o meu gosto. Gostei mais dele agora. Juntamente ele foi servido um pequeno snack seguido pelo amuse bouche. Confesso que achei um pouco bizarro que o amuse bouche tivesse servido quando ainda estávamos em pé. Tentar segurar o prato, a colher, o copo e para os mais afoitos ainda tentar fotografar o prato era uma tarefa digna de um cefalópode. Com isto tudo varreram-se-me os nomes destes primeiros pratos...



Já sentados, passámos para a primeira novidade o João Portugal Ramos Alvarinho 2012 que apresentava uma cor amarela pálida com um aroma bastante exuberante e tropical. A barrica nova usada não sobressaía demasiado e a acidez estava presente de uma forma contida. Durante a prova ganhou mais alguma acidez e ganhou alguma mineralidade o que me agradou. É um vinho bastante bom e que já irá agradar a muita gente mas pareceu-me que beneficiaria de mais algum tempo em garrafa. Percebo que este vinho teria de ser lançado nesta altura do ano para poder aproveitar o Verão, em que o mercado está mais recetivo aos brancos, e se se esperasse um ano já iria sofrer do preconceito que atinge os brancos com mais de um ano. Eu tenho cá em casa uma destas garrafas e vou tentar resistir pelo menos um ano até a abrir para ver como estará nessa altura.



Este vinho acompanhou o Falso Ravioli de Camarão, Dashi, Coentros, Lótus e Jasmim que terá sido o melhor prato da noite. Pena que a combinação com o vinho fosse pouco feliz. O dashi é um caldo feito habitualmente pela infusão de raspas de atum bonito fumado, seco e fermentado. Este dashi apresentava assim um forte sabor fumado e alguma adstringência que não convivia muito bem com os aromas tropicais do alvarinho.



Seguiu-se mais uma novidade na gama da João Portugal Ramos: o Estremus 2011. E que novidade... O Estremus faz parte de uma procura de vários anos do enólogo João Portugal Ramos por um vinho especial. Proveniente de vinhas sobranceiras ao castelo de Estremoz, plantadas em solos calcários que se não fossem tão perto do castelo seriam certamente uma pedreira de mármore. Duas castas características da região, Trincadeira e Alicante Bouschet, colhidas e vinificadas juntas em lagares de mármore. Este vinho pretende ser uma expressão de terroir e refletir as melhores características da região de Estremoz. Apresenta-se quase opaco com uma cor entre o ruby e o violeta, com aromas fumados e algum couro. Taninos ainda bastante presentes a mostrar a sua juventude, um toque salgado que lhe dá carácter e uma boa acidez que lhe vão garantir uma grande longevidade. Foi considerado por todos já ser um grande vinho mas vai ser giro vê-lo crescer ao longo dos anos pois o potencial de evolução ainda parece enorme. Poderá vir a tornar-se um dos vinhos de referência do Alentejo. O Estremus foi bem acompanhado pelo Magret de Pato Corado, Romana Braseada, Tartelete de Legumes Assados com Mel e Tomilho.



O que não foi muito consensual foi o rótulo que foi considerado não refletir a grandeza deste vinho. Concordo que o rótulo será demasiado discreto para este vinho e que pelo menos a fonte usada para o nome do vinho deveria um pouco maior, mas a questão da visibilidade do rótulo só é mesmo importante para chamar a atenção nas prateleiras das grandes superfícies que não serão o habitat natural deste vinho, pelo que não me parece uma questão muito grave.



Uma das características do Douro é a existência de vinhas a diversas cotas nas encostas do vale do Douro. Nas vinhas de cotas mais baixas a temperatura é normalmente superior dando origem a uma maior e mais rápida maturação das uvas dando origem a vinhos mais concentrados e maduros enquanto nas cotas mais elevadas a maturação é mais lenta dando origem a vinhos com maior acidez e maior frescura. É habitual que as uvas de diversas cotas sejam loteadas nos vinhos de maneira a que o vinho resultante possa exibir o corpo dos vinhos da cotas baixas e a acidez dos vinhos das cotas mais elevadas. O desafio a que José Maria Soares Franco se propôs foi criar dois vinhos irmãos oriundos de duas vinhas a cotas diferentes (200m e 400m) vinificados de igual modo em que se pudesse perceber como a cota da vinha os afeta. E assim surgiram o Duorum O. Leucura Cota 200 Reserva 2008 e o Duorum O. Leucura Cota Cota 400 Reserva 2008. O nome O. Leucura surgiu como uma referencia ao Chasco-Preto (Oenanthe Leucura), pequeno pássaro em risco de extinção, que têm como um dos seus habitats naturais as vinhas plantadas em socalcos e que em tempos era mesmo conhecido como Port-Wine Bird. Um casal foi identificado a nidificar nas vinhas que deram origem a estes vinhos e têm sido objecto de um plano de monitorização e proteção por parte da Duorum.





São dois grandes vinhos com características muito semelhantes mas onde a diferença da cota é notória. Vinhos extremamente concentrados, também entre o ruby e o violeta, um pouco fechados de aromas mas de uma elegância extrema e com os taninos já limados pelo tempo. No final sentia-se um toque de pimenta com o Cota 400 a sobressair pela sua maior frescura e acidez devido à cota mais elevada. Pareceu-me que estes vinhos poderiam ter beneficiado com a decantação e que apesar de terem quase cinco anos parecem estar claramente ainda em trajetória ascendente estando a sua longevidade certamente assegurada. Foi acompanhado pelo Duo de Bochechas de Porco Ibérico com Rosti de Batata e Esparregado de Salsa, em que a carne se desfazia ao toque e o esparregado de salsa harmonizava particularmente bem com os vinhos.



O ano de 2011 foi declarado como vintage clássico pela maioria das casas de Porto e a Duorom apesar de trabalhar fundamentalmente com vinhos não generosos e de ter uma estratégia diferente das casas clássicas do Douro também não ficou à margem disto e lançou um vintage clássico da colheita de 2011. Com a cor Ruby com traços violeta e opaco, está ainda muito jovem e um pouco fechado de aromas embora mostre um bom potencial. Esperemos por ele, que 1 ano e meio é muito pouco para um vintage. Acompanhou a Reinterpretação do "Floresta Negra" que cumpriu a função embora me parecesse que a desconstrução do bolo do mesmo nome tenha sido levada um pouco longe demais ficando os componentes algo desgarrados.





Uma belíssima noite passada em ótima companhia e que ficou marcada pela estreia de grandes vinhos que certamente passarão a ocupar um lugar de grande destaque no portfólio da João Portugal Ramos e da Duorum. Por gula e não por fome a noite acabou com uma bifana na rulote Garota de Ipanema em Sete Rios. Aí foram cometidos graves crimes eno-terroristas que ficarão por revelar juntamente com os seus autores, não vá andar por aí algum eno-taliban mais fundamentalista...



Book Gift - www.wook.pt

Páginas mais Populares em Abril de 2013

Os artigos mais populares no mês de Abril de 2013 foram:

Páginas mais Populares em Abril de 2013 - reservarecomendada.blogspot.pt
Follow my blog with Bloglovin